Dicas para o Universo Paralelo Festival

Dicas para o Universo Paralelo Festival

Para quem não sabe o Universo Paralelo é um festival de musica eletrônica, bem alternativo, voltando para o trance, teve sua primeira edição a 15 anos e acontece de dois em dois anos.

Falar do universo paralelo para mim e como voltar no tempo e lidar com um momento complicado, realmente passei muito perrengue por isso acho legal dar dicas para os marinheiros de primeira viagem …

Fui em 2013, o festival foi na cidade de Pratigi na Bahia, o lugar super bonito aproximadamente 7 horas de ônibus desde Salvador.Claro que o meu caso foi muito especifico pois quando cheguei no aeroporto minha mala havia sido aberta e eu perdi praticamente tudo, barraca,  quase todas  as roupas, e tudo que levei para passar os 9 dias no festival, ainda bem que o equipamentofotográfico estava  todo comigo, depois do desespero e do chororô  corri ate um shopping comprei um biquini e algumas coisas básicas e fui, como eu viajava sozinha acabei recebendo ajuda de um pessoal que conheci no ônibus, chegamos no local as 11 horas da noite, o lugar onde o ônibus nos deixa é um pouco longe da entrada do festival é preciso caminhar, existe uns caminhões pau de arara que fazem o  transporte até o local, custa 50 reais a pulseira e você tem direito a usar o veiculo quando necessário, o único problema é que tem poucos veículos para a quantidade de gente, e parece que todo mundo resolveu chegar no mesmo dia e na mesma hora, então cansados de esperar resolvemos caminhar, uma caminhada na areia com mochilas pesadas nas costas e no escuro é um pouco complicado, por isso recomendo tentar chegar um ou dois dias depois do inicio do festival para evitar filas e ter o transporte disponível, nós enfrentamos 5 horas de fila para pegar as pulseiras e entrar. Após entrar tem mais uns quilômetros ate chegar no local do camping, novamente ou esperava o transporte ou caminhava, caminhamos e até para os meninos é super cansativo por isso recomendo levar somente o essencial. É extremamente calor, se usa roupa de banho o tempo todo, nem a noite faz frio, somente em frente ao mar um casaquinho ou moletom é suficiente. Também recomendo um calcado fechado para caminhar porque as distancias são grandes e o chinelo me deu calos que depois de uns dias tornaram se feridas horríveis. Muito protetor solar e uma sombrinha são essenciais porque o sol das 6 da manhã atá as 6 da tarde parecem  o do meio dia, e provavelmente você vai passar muitas horas em filas, e estar parado naquele sol é tenso. Por incrível que pareça não havia mosquitos. Os banhos são com água sem tratamento as vezes tem um cheiro desagradável, é legal depois que sair do festival tomar um remédio para vermes para previnir. Recomendo também que se leve dinheiro porque cartão não é sempre que funciona, por uns 3 dias o sistema ficou fora do ar e eu passei perrengue novamente. Não tem sinal de celular nem internet, portanto encontrar os amigos é realmente um desafio. Como as distâncias são grande é bom sempre ter uma mochila com as coisas necessárias para passar o dia e não precisar ficar voltando para a barraca. Um cadeado para barraca é bem importante, reza a lenda que nos últimos dias de festival acontecem roubos, como eu já não tinha nada para ser roubado comigo não passou nada. Uma lanterna também é essencial, de noite os caminhos são muito escuros. E a ultima dica é que ficar os 9 dias de festival cansa muito talvez menos dias sejam mais proveitosos.

Tirando a minha má sorte, o lugar é lindo e se você seguir essas dicas com certeza não vai passar perrengue e vai curtir melhor sua trip.

Dicas para o Universo Paralelo Festivalsabrinabertolini
03

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *